sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Vamos programar?

Esta semana estivemos envolvidos na programação de um robot, com a ajuda dos pais da Patrícia, que têm um workshop de robots "Bapa". 
Foi muito interessante desconstruir conjunto o que era programar, criar um código e inserir no robot para que executasse. 
O divertido foi ver, no imediato, o robot a reproduzir o nosso programa. O mais desafiante foi corrigir quando o programa não estava correto e não fazia o que queríamos. 
Claro que para a Laura, que tem um projeto sobre robots, foi a melhor atividade, porque pôde aproveitar para ver respondidas algumas questões do seu projeto. 
A partir desta atividade saltámos para um conjunto de conteúdos de matemática. 









Foi uma manhã muito divertida!



E se fizéssemos um dicionário??????





Susana e se fizéssemos um dicionário?!?!?!
Num momento de Inglês surgiu uma proposta por parte do João, criar um dicionário  de inglês - português, para os tornar mais autónomos, na realização das fichas durante o Tempo de Estudo Autónomo. Quando liam as fichas de Inglês, durante o momento de TEA, por vezes sentiam algumas dificuldades em compreender vocabulário ou as instruções. Então surgiu a proposta da realização de uma dicionário ilustrado. Foi tão bom, tão bom, que o nosso dicionário já está gigantesco. Quando surge uma palavra nova vamos logo procurar a imagem e acrescentar ao nosso dicionário. Dividimos o nosso dicionário por temas, tornando mais rápida e fácil a sua consulta. 
De uma forma autónoma têm procurado o dicionário, consoante o tema, para os ajudar a compreender tudo o que está escrito em Inglês. 
Este recurso construído com os miúdos e para os miúdos fez com que percebessem o sentido da sua utilização. E venham mais propostas destas!!!


quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Co-Construção do Conhecimento










Para nós a comunicação é um momento muito marcante na sala, por ser um tempo onde partilhamos com os outros o que investigamos, partindo dos nossos interesses. 
Ficamos muito contentes por apresentar aos outros algo que construímos e ter o contributo do grupo para o melhorar. 
O conhecimento deixa de ser nosso e passa a ser de todos.
É tão bom quando partilhamos com os outros o que descobrimos. 

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Árvore dos Desejos



Começámos bem o ano, a partilhar os nossos desejos para o ano de 2018!
Começámos por experimentar diferentes texturas para criar as nossas folhas da árvore, depois foi escrever o que queríamos para este ano!
Foi uma atividade muito engraçada, pois pudemos saber o que cada um desejava para este ano.